DORO 30 Years Strong and Proud

Doro Pesch
Doro Pesch

 Isso mesmo: uma não-resenha. Por que? Porque se tornou muito fácil e ao mesmo tempo, monótono. Fácil, porém chato, vamos admitir. Além do mais, o que há para ser dito sobre essa mulher que praticamente todos os fãs de Heavy Metal já não tenham lido ou ouvido, não é mesmo? E sendo assim então, o que falar desse show no Carioca Club, em Sampa Rock City?

Bom, primeiramente ele me fez sair de casa mesmo tendo passado por uma semana de cão, com todos os típicos problemas modernos a que estamos acostumados, só que “tudo ao mesmo tempo agora” como dizem. Mas ainda assim, valeria muito o esforço ver a grandiosa Metal Queen, Sua MajestadeDoro Pesch, ao vivo no ano em que completa 50 anos de idade e 30 de carreira – e justamente no Dia Internacional da Mulher.

A única coisa técnica que vou dizer é a seguinte: som perfeito. Voz, guitarras, teclados, baixo e bateria. Dos clássicos às músicas de seu último álbum, é notável a presença de palco e entrosamento entre os integrantes da banda. E de onde essa mulher tira tanto fôlego e afinação? Que potência soberba! Que voz linda, cheia de drives charmosos e nuances que nos seduzem os ouvidos… mas voltemos à não-resenha.

Eu observo muito, demais mesmo, as pessoas em qualquer lugar, inclusive shows. Imprensa, equipe de som, público e por aí vai. Por mais que eu idolatre o artista que estiver se apresentando, ter percepção de como as pessoas reagem e interagem é sempre importante. Nesse quesito, Dorothee Pesch faz da audiência uma parte essencial da banda. Entendamos uma coisa: se ela estiver em um palco e você na platéia, você faz parte da banda.

Qualquer fã dessa mulher já sabe que ela é extremamente simpática, amorosa e absolutamente paciente com todos – digo isso pois o assédio dos fãs, principalmente dos homens, geralmente margeia a ousadia. Sabem aquele “quase” que você vê em vários momentos? Então.

Ainda assim, ela desce do palco, sobe na grade, se deixa abraçar, o pessoal segura em seus ombros, braços, passa a mão em seu cabelo, alguns fazem carinho em seu rosto… e ela não recua ou recusa! Sua confiança e certeza de que irão respeitá-la, é tremenda. Mais do que isso: sua paixão pelos fãs é o começo, meio e fim para tudo. Os “quases” que vi durante essas aproximações no show, são “quases” justamente por essa aura de respeito que ela tem pelos metalheads, no que acaba sendo retribuída. Como se dissesse nas entrelinhas “vocês são a minha família, amo todos do fundo do coração… vocês não vão trair esse amor, sei disso.” – Daí eu pergunto: como não admirar Doro em todos os sentidos? Até mesmo porque ela costuma dizer isso em TODOS os shows, entrevistas e declarações.

Doro, Doro Pesch, Dorothee Pesch, Metal Queen… apelidos, nomes e títulos para alguém que ascendeu no mundo da música no início dos anos 80 e ainda permanece humilde como uma aspirante. Eu simplesmente não consigo expressar minha satisfação ao ver essa lenda viva do Metal de perto pela segunda vez, mas agora em um palco, que é seu trono por direito. Testemunhar toda aquela troca de energia, pessoas dos 18 aos 50 e poucos, cantando, saudando, sorrindo e brindando, explica muito sobre Doro.

Doro Pesch: Metal Queen

Doro Pesch: Metal Queen

O que eu trago aqui, é apenas o resumo de um fã. Listar músicas e fazer comentários técnicos… bom, é algo que até estou acostumado a fazer, mesmo sendo trabalhoso. Com bandas em ascenção, tenho muito mais prazer e até vejo mais sentido, afinal de contas, quero que as pessoas as conheçam. Mas fazer isso com bandas e artistas já consagrados, além de redundante, muitas vezes perde o sentido. Prefiro falar de aspectos humanos longamente e do show em si de maneira seca e direta. Sim, o show foi absolutamente foda e eu não esperava menos.

Doro Pesch tem a mesma importância de Dio em minha formação musical – e quem me conhece, sabe que isso é o máximo dentro do máximo, fazendo dela A Deusa do Metal, tanto quanto Ronnie James Dio foi e sempre será O Deus do Metal. Todos os requisitos estão presentes em sua música e suas atitudes: qualidade, talento, humildade e muito, muito amor pelos fãs. Por esses e outros tantos motivos, esta não é uma resenha do show de Doro Pesch. É apenas o meu muito obrigado à vocalista que é simplesmente a personificação de tudo que há de melhor no mundo da música. 

Raise Your Fist In The Air – Doro Pesch (Official Video)

ROCK ON, DORO!!! \m/

Fontes & Referências: http://www.doromusic.de/index2_en.php

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s